Notícias

RIO – Os principais indicadores de criminalidade nas áreas da cidade onde foram realizados os eventos da Conferência Rio+20 tiveram uma queda significativa em relação ao mesmo período em 2011. É o que mostra levantamento realizado pelo Instituto de Segurança Pública (ISP) do dia 13 de junho, início dos eventos paralelos, até 22 de junho, último dia oficial de eventos. O instituto comparou os dados coletatos com os dias 15 a 24 de junho de 2011, a fim de poder analisar os mesmos dias da semana no mesmo período do mês de maio. O chamado roubo de rua, que reúne os indicadores de roubo a transeunte, roubo de celular e roubo a coletivo, teve uma redução de 39% na área da Rio+20: ficou em 217, bem menos que os 357 registrados pelas delegacias no mesmo período em 2011. Os homicídios tiveram uma redução bastante significativa: apenas 3 ocorrências, contra 11 no mesmo período em 2011. Já o roubo de veículos caiu 20% (de 51 para 41 carros).

O ISP considerou os dados de ocorrências em 18 delegacias que atenderam às áreas onde aconteceram os principais eventos da Rio+20, principalmente Riocentro, Parque dos Atletas, Aterro do Flamengo, Pier da Praça Mauá, Quinta da Boa Vista e Sambódromo. As delegacias incluídas foram: 5ª (Mem de Sá), 6ª (Cidade Nova), 7ª (Santa Tereza), 9ª (Catete), 10ª (Botafogo), 12ª (Copacabana), 13ª (Ipanema), 14ª (Leblon), 15ª (Gávea), 16ª (Barra da Tijuca), 17ª (São Cristóvão), 18ª (Praça da Bandeira), 32ª (Taquara), 37ª (Ilha do Governador), 41ª (Tanque) e 42ª (Recreio dos Bandeirantes), além da Delegacia Especial de Atendimento ao Turista (Deat) e da Delegacia do Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro (DAIRJ).

Para a Secretaria de Segurança Pública, esses números confirmam o acerto do uso do Regime Adicional de Serviço (RAS) para contratar policiais militares e civis e elevar o efetivo total para mais de 8 mil policiais em ação nas ruas. “O planejamento prévio, utilizando ensinamentos de eventos anteriores (Jogos Panamericanos e Jogos Mundiais Militares) e a integração das Polícias Militar e Civil com outras forças de segurança envolvidas (Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Forças Armadas, Guarda Municipal etc.), sob a coordenação do Comando Militar do Leste, também contribuíram decisivamente para o êxito do esquema de segurança da conferência”, diz nota da secretaria.

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/rio20/indicadores-de-criminalidade-tem-queda-significativa-durante-rio20-5318836#ixzz1yveCX4Si
© 1996 – 2012. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Fonte: O Globo

Instituto Ethos